Como montar canteiros no jardim

Um jardim, seja grande ou pequeno, precisa de canteiros para organizar as plantas e os acessos por onde vamos andar e apreciar as plantas. Siga estas diretrizes de como montar canteiros no jardim, e você terá um ótimo começo.

Vegetação

Os canteiros podem ter uma ou mais espécies vegetais. Talvez você prefira canteiros somente em tom de verde, ou então, misturar mais de uma espécie vegetal, como azaléia e maria-sem-vergonha ou helicônia e antúrio. Nesse caso, é importante pensar na combinação das plantas e na adaptação dessas espécies no local escolhido (principalmente no que se refere à quantidade de sol que vão receber).

como montar um canteiro no jardim

Espaço, tamanho e forma

Antes de tudo, escolha o espaço do seu jardim que irá acomodar o canteiro. Em seguida, estabeleça o tamanho e a forma que pretende dar a ele. De modo geral, existem dois tipos principais de canteiros:

  • os que predominam formas onduladas ou curvilíneas
  • ou espaços geométricos com formas rígidas.
como montar canteiros em jardins

Distanciamento e tamanho

Ao montar um canteiro, preste atenção no distanciamento entre as espécies plantadas. Informe-se sobre o tamanho que as mudas atingirão quando chegarem à idade adulta e plante-as distantes entre si. Assim, você evita que as plantas “briguem” futuramente pelo espaço ou que fiquem espremidas umas nas outras.

como criar um jardim como um paisagista

Hierarquia

Mantenha as espécies de grande porte atrás das menores. Também não plante espécies que precisam de sol atrás das plantas que, com o tempo, cresçam e formem sombras sobre elas. 

como criar jardins como um paisagista
Veja Mais: Como escolher as plantas para o jardim 

Limitador de jardim

Para demarcar a área de canteiros, existem delimitadores de borracha que separa o gramado- ou  outras partes – do jardim.

como montar um canteiro no jardim

Passo a passo como montar um canteiro no jardim

como montar um canteiro no jardim
  • Primeiramente, desenhe o canteiro. Em seguida, afofe a terra.
  • Demarque o canteiro com as mudas que você pretende plantar. Estude o espaçamento, de modo que, na idade adulta, as plantas não fiquem muito grudadas umas nas outras.
  • Faça pequenas covas e retire as mudas dos vasos ou sacos plásticos e plante-as no local demarcado.
  • Pressione a terra do canteiro, de modo que as mudas permaneçam bem fixadas no local. Pronto o canteiro, você pode escolher um acabamento para esconder a terra. Pedriscos ou grama-preta são boas opções.
  • Concluído o plantio, levam algumas semanas para a grama-preta esconder toda a terra e o canteiro ficar realmente pronto.

Adubação

Na ocasião do plantio, as mudas são rigorosamente adubadas com compostos orgânicos que possuem duradouro efeito fertilizante por mais de 4 meses. Entretanto, após este período recomenda-se repetir a adubação com composto orgânico nas seguintes dosagens:

  • canteiros: 1 a 3 kg/m2 + farinha de ossos ou NPK.
  • mudas de arbustos e árvores: 3 a 8 kg/ muda
  • vasos e floreiras: 2kg/m2 + adubo líquido (na irrigação a cada 30 dias).
  • gramados: 1kg/m2 + 10 a 20 g/m2 de uréia

Mantenha uma valeta de 5cm largura em volta dos canteiros para evitar que a grama invada os canteiros e dificulte na hora do corte. Já para as árvores e arbustos deixe uns 50 cm de diâmetro em volta do tronco com folhas secas e adubo orgânico, pois senão, a grama pode sufocar as raízes das árvores.

Irrigação dos canteiros

Em canteiros, vasos e floreiras recém plantados, não descuide das regas durante as primeiras semanas. Molhe mais quando estão debaixo de beirais de telhado, e menos em locais mais sombreados (voltado ao lado SUL).

Espécies suculentas e cactáceas, deve-se molhar menos.

Verão/Primavera: Molhe todos os dias não chuvosos (molhar de manhã e/ou no final do dia).

Outono/Inverno: Molhe a cada 2-3 dias sem chuva.

Pragas

Pragas e moléstias podem dizimar algumas mudas como formigas, pulgões, lagartas, cochonilhas, grilos e lesmas. Para as formigas use iscas granuladas. As demais, em caso de ataque localizados, remova os insetos e retire os ramos afetados. Em casos de maior infestação aplique agrotóxico específico encontrados em agropecuárias e casas do ramo.

Replantio das mudas

Replante as mudas nos canteiros com flores de estação (anuais) conforme a época do ano:

flores para canteiros

No primeiro ano eu costumo plantar mais flores anuais junto com as plantas perenes para preencher espaços vazios. Assim, dá um maior colorido nos primeiros meses, e a cada replantio a quantidade de flores a ser plantada será menor ou nula. Após 2 ou 3 anos, algumas plantas perenes necessitam ser replantadas para ficarem mais bonitas, reaproveitando as próprias mudas dos canteiros, como lírios, capim azul, gazânia, bulbine, etc…

como montar um jardim

Guia de Plantas

Escolhidas as espécies para o plantio, então veja este > Guia Plantas para Canteiros<, atente para o porte dos exemplares.

como montar um canteiro no jardim

Poda

É normal, após um período de 3 a 5 anos, a necessidade de remoção de plantas que tenham desenvolvido demais e estão prejudicando o pleno crescimento de outras.

Pode a vegetação somente nos seguinte casos:

  • ramos e galhos secos (mortos) ou afetados por doenças e pragas;
  • ramos atrapalhando a circulação, visão ou outras plantas;
  • brotos laterais de árvores na calçada;
  • estimular o rebrote ou floração de algumas espécies.

Agora, encontre inspirações antes de ir para o centro de jardinagem e mantenha o controle de suas ideias.

Quer saber como compor jardins como um paisagista? Para ter um jardim ou espaço verde fascinante e funcional, eu recomendo o curso de paisagismo do @ibdioficial. Assim, com certeza, é possível ter a decoração de jardim dos sonhos: bonito, vistoso e muito bem planejado!

Agora, se a sua intensão é também atuar na área como paisagista profissional, então minha recomendação é este PROGRAMA DE FORMAÇÃO EM PAISAGISMO. Você aprenderá tudo o que precisa para projetar áreas externas com a maestria necessária, sem frustrações, sem dor de cabeça!  E em pouco meses, receberá o Diploma podendo registrar-se ao CFT para exercer nesta área profissionalmente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × três =